Candidata do PSB tem 28,2% das intenções de voto e Dilma tem 34,2%; Aécio Neves tem 16%, diz pesquisa CNT/MDA

Marina Silva, candidata à Presidência pelo PSB (22/08)
Marcos Bezerra/Futura Press
Marina Silva, candidata à Presidência pelo PSB (22/08)

Se as eleições fossem hoje, a candidata à Presidência Marina Silva (PSB) teria 28,2% das intenções de voto, ficando seis pontos percentuais atrás da atual presidente e candidata a reeleição pelo PT, Dilma Rousseff, que tem 34,2% das intenções de voto. O ex-senador Aécio Neves aparece em terceiro com 16% dos votos. Os dados fazem parte da pesquisa CNT/MDA divulgada nesta quarta-feira (27). 

Segundo a pesquisa, Pastor Everaldo (PSC) tem 1,3% das intenções de voto e os demais candidatos não somam 1%. Brancos e nulos somam 8,7% e o índice de pessoas que não sabem ou não responderam chega a 10,4%. A margem de erro é de 2,2 pontos percentuais para mais ou para menos. 

Ibope:  Marina abre dez pontos sobre Aécio e venceria Dilma no segundo turno

Datafolha : Marina empata com Aécio no 1º e com Dilma no 2º turno

Em um eventual segundo turno, Marina Silva ganharia de seus dois principais adversários. Contra a petista, ela teria 43,7% dos votos e Dilma somaria 37,8%. Se a disputa fosse entre Marina e Aécio, a ex-ministra também venceria, com 48,9% dos votos, contra 25,2% do adversário. 

Em uma disputa entre Dilma e Aécio, a atual presidente teria 43% e o tucano, 33,3%.  

Leia também:  Debate de confrontos tem Aécio no ataque, Dilma acuada e Marina regular

Ainda de acordo com o levantamento, entre os três mais bem colocados, Marina é a que tem menor índice de rejeição, com 29,3%.  O número de eleitores que não votaria em Aécio Neves de jeito nenhum é de 40,4% e 45,5% dos entrevistados disseram que não votam em Dilma Rousseff.

Avaliação do governo

O instituto também questionou os eleitores sobre a avaliação do atual governo. Segundo o levantamento, 33,1% consideram o governo Dilma Rousseff bom ou ótimo, 37,4% disseram regular e 28,8% classificaram como ruim ou péssimo. 

A aprovação e a desaprovação ao desempenho pessoal da atual presidente estão empatadas em 47,4%. Outros 5,2% eleitores não souberam responder. 

Humor:  Debate de presidenciáveis gera brincadeiras nas redes sociais

Veja os principais momentos dos candidatos


Mudanças

A pesquisa também indicou que a maior parte dos entrevistados quer mudanças. Para 35,2% dos eleitores, o próximo presidente da República deve mudar "totalmente a forma atual de governar", 34,7% querem que "mude a maioria das ações" e 23,5% querem que "mantenha a maioria das ações". Apenas 5,6% dizem que o próximo presidente deve "manter a forma atual de governar" e 1% não sabe ou não respondeu. 

A CNT/MDA ouviu  2.002 pessoas, em 137 municípios de 24 unidades federativas das cinco regiões, entre os dias 21 e 24 de agosto de 2014.

Ibope

A pesquisa CNT/MDA seguiu a tendência apontada no levantamento realizado pelo Ibope nesta terça-feira (26). Segundo o Ibope, Marina Silva tem 29% das intenções de voto, contra 34% da presidente Dilma e 19% de Aécio Neves. Ainda de acordo com o Ibope, em um eventual segundo turno entre as duas candidatas mais bem colocadas, Marina ainda ganharia de Dilma, com nove pontos percentuais a frente - 45% contra 36%.

Se a disputa do segundo turno for entre Dilma e Aécio, a atual presidente seria reeleita, com 41% dos votos contra 35% do tucano. 


    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.