O ministro da Saúde Marcelo Queiroga
Myke Sena/MS
O ministro da Saúde Marcelo Queiroga

O ministro da Saúde, Marcelo Queiroga, anunciou que o Ministério da Saúde enviou R$ 12 milhões para o estado da Bahia, que, nas últimas semanas, vem sofrendo com as chuvas e enchentes que destruíram municípios .

Os temporais na Bahia deixaram 24 mortos, 434 feridos e 91 mil desabrigados. Até o momento, 132 municípios declararam situação de emergência.

Os R$ 12 milhões tem o objetivo de ajudar e dar suporte à vigilância da Saúde na Bahia, segundo Queiroga. O ministro ainda afirmou, durante entrevista a TV Sudoeste, que mais "recursos de média e alta complexidade" serão enviados ao estado para serem usados. 

O Ministério da Saúde ainda enviará médicos entre segunda (03) e terça (04) para a região sul da Bahia, a mais afetada pelas enchentes. O objetivo é que os profissionais ajudem o sistema de Saúde dos municípios.

Nesta quinta, o governador da Bahia, Rui Costa (PT) , anunciou que aceitará ajuda de outros países mesmo sem a autorização de Jair Bolsonaro (PL) . Mais cedo, o governo recusou a ajuda humanitária oferecida pela Argentina .

"Os 15 milhões de brasileiros que moram na Bahia estão esperando apoio tanto humanitário quanto aos municípios. É preciso um olhar diferenciado porque aqui moram 15 milhões de brasileiros", afirmou Costa, em entrevista à TV Bahia.

Leia Também

O governador ainda afirmou que, "mesmo sem ajuda federal, a Bahia reconstruirá todas as casas destruídas em parceria com os municípios", mas pondera que isso levará tempo. O objetivo neste momento é fazer mutirões em parceria com os municípios.





    Veja Também

    Mais Recentes

      Comentários