Trumpolsonaro
Alan Santos/PR
Presidentes se encontraram durante viagem de comitiva brasileira aos EUA

Horas após o Congresso dos Estados Unidos oficializar a vitória de Joe Biden nas eleições presidenciais , o presidente Jair Bolsonaro insistiu em dizer que houve fraude na disputa, sem apresentar evidências. Bolsonaro também criticou o bloqueio imposto por redes sociais ao presidente Donald Trump.

"Ontem, nos Estados Unidos, bloquearam o Trump nas mídias sociais . Um presidente eleito, ainda presidente, tem suas mídias bloqueadas", disse Bolsonaro a apoiadores, na saída do Palácio da Alvorada.

Depois, Bolsonaro afirmou que a raiz dos problemas atuais nos Estados Unidos foi "falta de confiança" no voto. Ele repetiu alegações de irregularidades na eleição , sem dizer de onde tirou elas. Alegações semelhantes feitas pela campanha de Trump foram rejeitadas em dezenas de ações judiciais.

"O pessoal tem que analisar o que aconteceu nas eleições americanas agora. Basicamente, qual foi o problema, a causa dessa crise toda? Falta de confiança no voto . Lá o pessoal votou e potencializaram o voto pelos correios por causa da tal da pandemia e houve gente que votou três, quatros vezes. Mortos votaram. Foi uma festa lá. Ninguém pode negar isso daí", disse.

"E aqui no Brasil , se nós não tivermos o voto impresso em 22, uma maneira de auditar o voto, vai ser a mesma coisa. Nós vamos ter problema pior que os Estados Unidos", concluiu o presidente .

Ao contrário de diversas lideranças mundiais, Bolsonaro não comentou a invasão do Capitólio por apoiadores de Donald Trump , ocorrida na quarta-feira em Washington, que interrompeu por horas a sessão que confirmou o resultado da eleição.

Na quarta, também em conversa com apoiadores, Bolsonaro havia dito que não iria comentar por ser "ligado ao Trump ": "eu acompanhei tudo. Vocês sabem que eu sou ligado ao Trump . Então você já sabe qual é a minha resposta aqui. Agora muita denúncia de fraude, muita denúncia de fraude. Eu falei isso há um tempo atrás e a imprensa falou: 'sem provas, o presidente Bolsonaro falou que foi fraudada a eleição americana'".

O presidente brasileiro foi um dos últimos líderes mundiais de expressão a reconhecer a vitória de Biden nas eleições . Bolsonaro só cumprimentou o presidente eleitos 38 dias depois do resultado ter sido projetado.

    Veja Também

    Mais Recentes

      Mostrar mais

      Comentários