Informações poderão ser consultadas pelos participantes por meio do site oficial do Inep ou dos aplicativos específicos desenvolvidos para o exame

Ministério da Educação irá disponibilizar as informações no site oficial do Inep e em aplicativos do Enem 2016
Marcello Casal Jr/Agência Brasil - 27.10.2013
Ministério da Educação irá disponibilizar as informações no site oficial do Inep e em aplicativos do Enem 2016

O Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira (Inep) irá divulgar nesta quarta-feira (19) os locais de prova do Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) 2016. A previsão é a de que as informações estejam disponíveis aos participantes a partir das 15h no site do órgão, que é subordinado ao Ministério da Educação (MEC).

LEIA MAIS:  Enem: saiba tudo sobre o exame

A previsão inicial era de que os locais fossem informados na terça-feira (18). O ministério  não informou os motivos do adiamento. O ministro da Educação, Mendonça Filho, e a presidente do Inep, Maria Inês Fini, darão uma entrevista coletiva às 15h de hoje (horário de Brasília) para dar mais detalhes sobre a realização da prova.

Pouco mais de 9 milhões de pessoas em todo o Brasil deverão fazer a prova, que será aplicada nos dias 5 e 6 de novembro, a partir das 13h. O exame é uma porta de entrada para diversas universidades públicas no País, que levam em conta o resultado obtido para fazer a seleção dos ingressantes, sem necessidade de vestibular. O processo seletivo é feito por meio do Sistema de Seleção Unificada (Sisu) . São feitas duas chamadas por ano dos candidatos com os melhores desempenhos.

Aplicativo

Além do site do Inep ( http://www.inep.gov.br/ ), os participantes também poderão visualizar os cartões de confirmação de inscrição por meio do aplicativo oficial do Enem, disponível nas plataformas Android, iOS e Windows Phone. De acordo com o MEC , até o dia 13 de outubro, o número de downloads do programa já havia ultrapassado a marca de um milhão. A ferramenta também permitirá que, após a prova, os candidatos confiram o gabarito e, posteriormente, recebam o resultado do exame.

LEIA MAIS: Congresso Nacional aprova crédito suplementar de R$ 702,5 milhões para o Fies

Para que o estudante possa utilizar o aplicativo, precisa informar o CPF e a senha cadastrados no sistema de inscrições. O Inep recomenda que, para garantir a segurança e evitar falsificações, o usuário faça o download diretamente das lojas oficiais de cada sistema: App Store (para iOS), Google Play (para o Android) e Windows Store (no caso do Windows Phone). Segundo o Ministério da Educação, o programa facilita o contato da organização do exame com os participantes, já que permite o acesso a comunicados oficiais e atualizados enviados pelo Inep.

    Leia tudo sobre: Enem
    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.