null
Alan Santos
undefined


O presidente Jair Bolsonaro (PL) reagiu com irritação à especulação crescente sobre o seu candidato a vice-presidente nas eleições de 2022. Em conversa com apoiadores no Palácio da Alvorada nesta segunda-feira, o presidente afirmou que alguns aliados estão querendo tumultuar a questão, mas que a escolha será sua.

Acertei com o Valdemar muita coisa , não está escolhido o vice, o vice quem vai escolher sou eu — afirmou Bolsonaro.

O presidente lamentou que algumas coisas estariam sendo vazadas para a imprensa por pessoas do seu governo. Segundo Bolsonaro, o objetivo disso seria tumultuar. Nesta segunda-feira, o nome do ministro da Defesa, Braga Netto, foi especulado como um possível nome para a composição da chapa.

— Essas notas são pregadas na imprensa. A gente sabe quem está pregando, lamentavelmente para tumultuar. Gente nossa. Essa não foi invenção da imprensa, foi pregação de gente nossa, gente querendo se cacifar — afirmou.

Leia Também

Leia Também

Durante a conversa com apoiadores, Bolsonaro voltou a fazer uma crítica indireta ao atual vice-presidente, Hamilton Mourão. O presidente comparou a escolha de um vice à de um casamento.

No último dia 29, o GLOBO revelou que após o presidente Jair Bolsonaro deixar claro que não conta com Mourão para o projeto da reeleição, o vice passou a conversar recentemente com o ex-ministro Sergio Moro. Pré-candidato ao Palácio do Planalto pelo Podemos, o ex-juiz da Operação Lava-Jato é desafeto declarado do chefe do Executivo federal.


Agora, o vice decide se será candidato ao Senado, pelo Rio Grande do Sul, ou ao governo do Rio de Janeiro .

— Vice eu considero um casamento, tem que ser uma pessoa que não te dê trabalho. E às vezes mesmo a gente pensando nisso, o tiro sai pela culatra. Imagina deixar para terceiros escolher — afirmou.

    Veja Também

    Mais Recentes

      Comentários