Empresário prestou depoimento à CPI da Pandemia na última semana
Edilson Rodrigues/ Agência Senado
Empresário prestou depoimento à CPI da Pandemia na última semana


Ser convocado a depor na Comissão Parlamentar de Inquérito (CPI) da Pandemia não foi ruim para o empresário Luciano Hang. A popularidade dele cresceu após o depoimento, com o ganho de 112 mil seguidores para seu perfil no Instagram, segundo o Estado de Minas. Na tarde deste sábado (2), ele já acumula 3.999.236 seguidores na rede social.


O dono das lojas Havan depôs na última quarta-feira (28) , sob suspeita de entregar o "gabinete paralelo" que orientava o presidente Jair Bolsonaro (sem partido) em relação à pandemia e também de patrocinar o blogueiro Allan dos Santos, que, por sua vez, é suspeito de disseminar fake news sobre a Covid-19.



Na CPI, Hang teve embates com senadores, zombou de alguns parlamentares, fez propaganda de sua empresa e defendeu o governo federal. Segundo o portal Metrópoles, ele já  se prepara para lançar candidatura ao Senado por Santa Catarina em 2022.

    Veja Também

    Mais Recentes

      Comentários