Diversos pontos de Mariupol já foram bombardeados pelo exército russo
Reprodução / Twitter - 30.03.2022
Diversos pontos de Mariupol já foram bombardeados pelo exército russo

Nesta quinta-feira (19), o Ministério a Defesa da Rússia afirmou que 1.730 soldados ucranianos se renderam durante esta semana na usina de Azovstal, o último reduto de resistência na cidade de Mariupol . Desse total, 80 estariam feridos.

A pasta divulgou um vídeo que mostra os combatentes da Ucrânia saindo do complexo siderúrgico enquanto oficiais russos inspecionavam seus pertences. Nas imagens, é possível ver que alguns estão feridos e outros até mesmo usando muletas. 

De acordo com informações das agências Reuters e AFP , os ucranianos foram encaminhados a um hospital próximo, em um local já controlado por Moscou. Kiev informou que vai tentar organizar uma troca de prisioneiros, como já fizeram outras vezes , mas ainda não teve uma resposta dos russos.

Além disso, o Comitê Internacional da Cruz Vermelha (CICV) começou a registrar os nomes de centenas de prisioneiros de guerra da usina com o intuito de acompanhar a maneira que eles são tratados. O objetivo da ação é evitar que  crimes de guerra sejam cometidos, como torturas.

Entre no  canal do Último Segundo no Telegram e veja as principais notícias do dia no Brasil e no Mundo.  Siga também o  perfil geral do Portal iG.


    Veja Também

    Mais Recentes

      Comentários