Aula de democracia, diz organizador sobre jantar entre Lula e Alckmin
Felipe Freitas/ iG
Aula de democracia, diz organizador sobre jantar entre Lula e Alckmin

O advogado Marco Aurélio de Carvalho, coordenador do Grupo Prerrogativas, que organizou, na noite deste domingo (19),  um jantar com o  ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT) e o  ex-governador de São Paulo Geraldo Alckmin (sem partido), disse que o encontro foi uma "aula enorme de democracia".

"Nosso objetivo era mandar uma mensagem poderosa para a sociedade de que é possível convergir em cima do que é fundamental (...) E essa mensagem nós conseguimos passar (...) Foi realmente uma aula enorme de democracia", disse o advogado ao UOL.

Para o jurista, o encontro possibilitou a construção de um "rastro" indicando que, a partir de 2023, "dias melhores virão", caso Lula seja eleito novamente para ser presidente.

"Em 2022, vamos ter, de um lado, a civilização, e de outro, a barbárie (...) Fortalecer as instituições é apoiar o presidente Lula", afirmou.

Leia Também

Encontro decisivo 

jantar se deu em meio a especulações de que o petista deve compor chapa ao lado do ex-governador nas eleições presidenciais do ano que vem. Lula seria o candidato e Alckmin seria o vice.

Na última semana, Alckmin anunciou a saída do PSDB, partido que ajudou a fundar. Ainda não há definição sobre qual sigla deve ser a nova casa do ex-governador, mas há expectativa de que o PSB possa ser o novo partido de Alckmin.

Durante discurso após o jantar, Lula disse que ainda aguarda definições sobre o futuro de Alckmin para fechar a questão sobre a aliança para o posto de vice-presidente.

    Veja Também

    Mais Recentes

      Comentários