Bolsonaro esteve presente no evento de inauguração do eixo principal da ponte Guaíba, em Porto Alegre (RS)
Marcos Corrêa/PR
Bolsonaro esteve presente no evento de inauguração do eixo principal da ponte Guaíba, em Porto Alegre (RS)

O presidente Jair Bolsonaro disse, nesta quinta-feira (10), que pede a Deus que ilumine os parlamentares na hora de escolherem uma nova mesa diretora para a Câmara e para o Senado, no começo do ano que vem. Segundo Bolsonaro, "oposição não pode ser feita ao governo, ao seu país".

"Eu peço a Deus que iluminem vocês, deputados e senadores, para que escolham uma boa mesa diretora, porque oposição não pode ser feita ao governo, ao seu país. Oposição é natural, é até uma questão política nossa, mas não em questões que envolvam os interesses nacionais", disse, em inauguração do eixo principal da ponte Guaíba, em Porto Alegre (RS).

No começo do ano que vem, deputados e senadores vão escolher os presidentes da Câmara e do Senado, além dos integrantes das mesas diretoras de âmbas as casas.

Na Câmara , Bolsonaro apoia o deputado do centrão  Arthur Lira (PP) que tem como oposição o grupo comandado pelo atual presidente da casa, Rodrigo Maia (DEM-RJ) .

Já no Senado , o presidente queria a reeleição de Davi Alcolumbre (DEM-AP), mas o Supremo Tribunal Federal (STF) vetou a possibilidade . Com isso, Bolsonaro tem discutido a mudança no comando do Senado e da Câmara com aliados.

Você viu?

Atraso na entrega

A inauguração da ponte ocorre três anos depois do planejado. As obras começaram no governo Dilma Rousseff (PT), em em 14 de outubro 2014. O diretor-geral do Departamento Nacional de Infraestrutura de Transportes (DNIT) na ocasião era o atual ministro da Infraestrutura, Tarcísio Gomes de Freitas, que participou da inauguração nesta quinta. Ele também esteve na solenidade que deu início às obras.

O atraso na entrega foi provocada por motivos diferentes: demora no repasse de verbas, ritmo lento de desapropriações de famílias que moravam próximo à ponte e a pandemia do novo coronavírus, que reduziu o ritmo das obras e o número de funcionários no local. A previsão do começo do ano era que a conclusão da ponte ocorresse só em 2021.

Durante a inauguração, Tarcísio elogiou a qualidade da ponte e agradeceu aos funcionários que trabalharam na obra. Ele, no entanto, não comentou o atraso na entrega.

"É bom demais ver essa ponte sendo entregue. É como se fosse um filho nascendo, literalmente, e é um filho bonito. Porque a gente viu o projeto, a gente viu o lançamento da primeira estaca e agora a gente está vendo a conclusão. É uma ponte que tomou muita velocidade a partir do ano de 2019", disse, sem mencionar a ex-presidente Dilma.

Já Bolsonaro afirmou que a obra não começou em sua gestão, mas foi finalizada pelo seu governo.

"O momento é para inauguramos uma obra que não começou conosco. Como a grande maioria, Tarcísio, não começaram conosco, mas nós falamos: nós vamos terminar todas aquelas que forem possíveis de serem terminadas", disse.

    Veja Também

    Mais Recentes

      Comentários