Decleração foi dada durante café da manhã com Bolsonaro e outros membros do governo
Reprodução
Decleração foi dada durante café da manhã com Bolsonaro e outros membros do governo


A ex-ministra da Mulher, Família e Direitos Humanos, Damares Alves , afirmou nesta quarta-feira que o  “inferno está se levantando” e “mandou uns capetas” “até carecas” para atuar contra o governo federal. A ex-ministra falava sobre as dificuldades enfrentadas pelo governo ao longo da gestão. A declaração foi dada durante café da manhã com o presidente Jair Bolsonaro, membros do governo e pastores da Assembleia de Deus, no Palácio da Alvorada.

“Mas saibam que o inferno está com muita raiva de todos nós e o inferno está se levantando. O inferno mandou uns capetas que vocês não têm ideia, tem um até careca”, afirmou.

Damares, assim como o presidente Jair Bolsonaro e outros membros do governo e da base aliada, é crítica das ações do ministro do Supremo Tribunal Federal (STF), Alexandre de Moraes. 

Entre os presentes no café da manhã estavam o deputado federal Major Vitor Hugo (PL-GO), o ministro da Secretaria de Governo, Célio Faria, os pastores José Wellington Junior, presidente da Convenção, e Orcival Xavier, presidente da Assembleia de Deus de Brasília e a primeira-dama, Michelle Bolsonaro. O encontro não constava na agenda oficial do presidente.

Leia Também


A ex-ministra continuou falando que “tudo conspirou para que um governo cristão não desse certo” e citou a guerra na Ucrânia, a pandemia e as queimadas no Pantanal como alguns exemplos. Disse também que um Judiciário “se levanta contra nós (governo)”.

“Não tem sido fácil, tudo se levanta contra esse governo. Tudo conspirou contra este governo. Brumadinho, óleo na praia, queimada no Pantanal, quando a gente achava que não tinha mais nada, o Congresso começa a brigar entre si. Um Judiciário se levanta contra nós, a imprensa contra nós”, disse.

Damares deixou o governo no dia 31 de março com outros oito ministros para cumprir o prazo da justiça eleitoral de desincompatibilização. Ela ainda não anunciou a qual cargo concorrerá, mas mudou o seu domicílio eleitoral para o Distrito Federal e se filiou ao Republicanos ao lado da primeira-dama, Michelle Bolsonaro.

Entre no  canal do Último Segundo no Telegram e veja as principais notícias do dia no Brasil e no Mundo.

    Veja Também

    Mais Recentes

      Comentários