Jen Psaki, porta-voz da Casa Branca é diagnosticada com Covid-19
Reprodução: commons - 22/03/2022
Jen Psaki, porta-voz da Casa Branca é diagnosticada com Covid-19

A porta-voz da Casa Branca, Jen Psaki, anunciou em sua conta no Twitter nesta terça-feira (22) que teve teste positivo para a Covid-19, revelando também que o presidente dos Estados Unidos, Joe Biden , testou negativo.

"Ontem tive duas reuniões respeitando a distância com o presidente, e não é considerado um caso de contato", disse ela, às vésperas da  partida de Biden para a Europa para reuniões da Otan e da União Europeia sobre a invasão russa da Ucrânia, além de uma visita à Polônia.

Psaki disse que foi vacinada contra a Covid-19 e que só apresentava "sintomas leves" e, por esse motivo, se isolaria por cinco dias.

A porta-voz já havia sido infectada com Covid-19 em outubro de 2021, o que a impediu de viajar com Biden para a cúpula do G20 em Roma.

Leia Também

O anúncio de Psaki ocorre no momento em que os casos de Covid-19 voltam aumentar até na comitiva do presidente dos EUA. A Casa Branca disse em 15 de março que Doug Emhoff, marido da vice-presidente Kamala Harris, havia sido infectado, embora sua esposa tivesse testado negativo para o vírus.

Biden parte na quarta-feira para uma viagem muito aguardada na Europa, com o objetivo de consolidar a aliança dos países ocidentais diante da invasão da Ucrânia pela Rússia, em 24 de fevereiro.

O presidente dos EUA estará em Bruxelas para as cúpulas da UE e da aliança atlântica e depois na Polônia, um aliado dos EUA na Otan e que recebe um grande fluxo de refugiados ucranianos.

Entre no  canal do Último Segundo no Telegram e veja as principais notícias do dia no Brasil e no Mundo.


    Veja Também

    Mais Recentes

      Comentários