edir
Alan Santos/Presidência da República/Divulgação
Bispo da Igreja Universal, Edir Macedo


A Justiça de Angola ordenou o fechamento de diversos templos da Igreja Universal do Reino de Deus espalhados pelo país.  A Universal, do Bispo Edir Macedo, é acusada de fraude e de atividades criminosas no país.


A igreja de Edir Macedo está presente em mais de cem países e tem mais de 8 milhões de fiéis. A Universal tem células em ao menos 12 países africanos. Na Agola, a igreja enfrenta situações adversas depois de mais de 300 bispos angolanos se afastraem da liderança brasileira e diversos membros sairem da organização.

Os bispos denunciam a Universal de sonegar impostos, implantar práticas imcompátiveis com a realidade do país e, até mesmo, racismo . Em dezembro, a Procuradoria Gera de Angola abriu um processo penal contra a Universal. Na sexta-feira (14), foi expedida a ordem de fechamento dos templos. 

    Veja Também

    Mais Recentes

      Mostrar mais

      Comentários