Sérgio Sant'Ana
Reprodução/Twitter
Sérgio Sant'Ana virou o candidato favorito dos apoiadores de Bolsonaro.

A corrida pelo comando do  Ministério da Educação (MEC) ganhou novo nome forte: Sérgio Sant'Ana, que ocupava o cargo de assessor especial do ex-ministro Abraham Weintraub . Segundo interlocutores, a indicação de Sant'Ana ganhou tração nos últimos dias. Além disso, ele se tornou o favorito de apoiadores do presidente.

A ideia é escolher alguém que se comprometa a não se candidatar em 2022 e que não ofusque Bolsonaro. O nome de Sant'Ana ganhou destaque por ser um quadro que já está no MEC e não tem "manchas" em sua ficha, além de ser leal ao presidente.

O que depõe contra Sant'Ana, por outro lado, é sua pouca experiência, como apontou um integrante do Palácio do Planalto ligado a Bolsonaro. O assessor é próximo do atual secretário de Alfabetização, Carlos Nadalim, que também é um dos cotados para o cargo e é visto como "oposto de Weintraub".

Em uma ocasião, Sant'Ana foi definido por Nadalim como "um grande amigo, e um importante aliado na luta pela implementação da Política Nacional de Alfabetização".

O cenário defendido hoje no Planalto é que o próximo escolhido para o cargo seja uma pessoa "zen". Nas redes, Sant'Ana segue a cartilha bolsonarista de ataques à esquerda e à imprensa.

    Veja Também

      Mostrar mais