Joice Hasselmann afirma ter sido vítima de atentado em seu apartamento
Reprodução/CNN
Joice Hasselmann afirma ter sido vítima de atentado em seu apartamento

Vítima de diversas fraturas no rosto e no corpo após um suposto atentado sofrido em seu apartamento em Brasília, a deputada Joice Hasselmann (PSL-SP) rebateu nesta quarta-feira (28) a  acusação de que teria se recusado fazer um exame toxicológico. Segundo a parlamentar, até um exame de DNA foi realizado.

"Também fui ao IML, fiz questão de fazer. Teve uma fake news aí muito feia de dois veículos de comunicação dizendo que eu não fiz o toxicológico. Eu fiz até o DNA, que não tinha sido pedido. Eu fiz toxicológico, DNA, um exame de todos os traumas e mais um outro que eu tive que fazer com um dentista legal para ver a questão das fraturas de dentes. Agora é confiar no trabalho da polícia mesmo a gente sabendo que tem essas falhas", afirmou em entrevista ao UOL .

Após a polícia dizer que  câmeras não identificaram a entrada de estranhos no apartamento, a parlamentar afirmou há brechas no sistema de monitoramento e defendeu que haja reforço do sistema de segurança no edifício, já se trata de um imóvel público.

"Que isso sirva pelo menos para nós termos toda a segurança, não só física, mas moral também. Porque não dá para nenhum parlamentar dizer 'não quero nenhuma câmera na porta do meu apartamento porque é minha intimidade'. Não. Isso é um imóvel público, então também é a segurança moral. As pessoas, eventualmente, têm o direito de saber quem entra e sai do apartamento de um parlamentar", afirmou.

A parlamentar ainda foi questionada sobre  um objeto "estranho" encontrado no apartamento e encaminhado à Polícia Civil,  mas não quis revelar qual era para não atrapalhar a investigação.

    Veja Também

    Mais Recentes

      Comentários