salles
Jorge William / Agência O Globo
Salles pede desculpas após dizer que Ramos age como 'Maria fofoca'

O ministro do Meio Ambiente, Ricardo Salles, disse, neste domingo (25), por meio de seu twitter, que pediu desculpas ao ministro  Luiz Eduardo Ramos, da Secretaria de Governo, por tê-lo chamado de "Maria fofoca", na última quinta-feira (22).

"Conversei com o ministro Ramos, apresentei minhas desculpas pelo excesso e colocamos um ponto final nisso. Estamos juntos no governo, pelo Pres. Bolsonaro e pelo Brasil. Bom domingo a todos", escreveu Ricardo Salles neste domingo.


Na manhã deste domingo também, antes da publicação de Salles na rede social, o ministro Ramos afirmou que não havia confronto com o colega de governo.

"Rapaz, não tem briga nenhuma", afirmou, durante um passeio de moto com o presidente Jair Bolsonaro e o ministro Braga Netto, da Casa Civil.  "Tem uma definição: briga é quando (tem) duas pessoas", complementou o ministro.

Repercussões 

A declaração de Salles provocou reações contrárias dos presidentes da Câmara, Rodrigo Maia, e do Senado, Davi Alcolumbre, a favor de Ramos.  Integrantes da ala ideológica do governo aprovaram a fala de Salles e manifestaram apoio ao ministro do Meio Ambiente.

Veja a publicação de Salles que gerou a polêmica:



    Veja Também

      Mostrar mais