Na abertura do ano legislativo, Barbosa fala em harmonia entre os Três Poderes

Por Agência Brasil | - Atualizada às

compartilhe

Tamanho do texto

Desde o ano passado, parlamentares vêm acusando o Judiciário de intervir indevidamente em assuntos do Legislativo, mas o presidente do STF não entrou em polêmica no discurso

Agência Brasil

O presidente do Supremo Tribunal Federal (STF), ministro Joaquim Barbosa, destacou nesta segunda-feira (4) a importância da harmonia entre os Três Poderes em discurso durante a abertura do ano legislativo no Congresso Nacional. O bom entendimento entre Executivo, Legislativo e Judiciário também foi tema do discurso do ministro na abertura do ano judiciário no STF, na última sexta-feira (1º).

Leia também:
Henrique Eduardo Alves, do PMDB, é eleito presidente da Câmara
Renan é alvo de protestos ao subir a rampa do Congresso
Em mensagem ao Congresso, Dilma diz que classe política é vilipendiada

Carlos Humberto/SCO/STF
Sessão solene de abertura dos trabalhos do ano legislativo

Segundo Barbosa, comparecer à abertura do ano legislativo é “mais que um aspecto puramente formal” e reforça a “fundamental interação” entre os Poderes. “A independência e a convivência harmônica entre Executivo, Legislativo e Judiciário são fatores essenciais ao fortalecimento da nossa democracia”, destacou.

Desde o ano passado, parlamentares vêm acusando o Judiciário de intervir indevidamente em assuntos do Legislativo. Entre os temas sensíveis, estão o julgamento da Ação Penal 470, o processo do mensalão, a votação dos vetos à nova lei dos royalties do petróleo e a aprovação das regras de distribuição do Fundo de Participação dos Estados (FPE).

Embora não tenha tratado desses temas em seu discurso, Barbosa pediu aos parlamentares atenção especial na votação do novo Código de Processo Civil e do novo Código Penal. Segundo o ministro, a demora na apreciação dos textos torna “extremamente difícil o aperfeiçoamento da prestação jurisdicional em todo o país”.

Leia tudo sobre: ano legislativostftrês poderesjoaquim barbosa

compartilhe

Tamanho do texto

notícias relacionadas