Acompanhado da mulher, ex-presidente foi a uma UBS de São Bernardo do Campo

O ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva tomou nesta segunda-feira a vacina contra a gripe em uma UBS de São Bernardo do Campo. Lula estava acompanhado de sua mulher, a ex-primeira-dama Marisa Letícia. A campanha foi prorrogada no Estado de São Paulo até quarta-feira.

Lula toma vacina contra a gripe em UBS de São Bernardo do Campo
Agência Estado
Lula toma vacina contra a gripe em UBS de São Bernardo do Campo


Desde o fim do tratamento bem-sucedido contra um tumor na laringe, Lula vem retomando aos poucos suas atividades políticas porque ainda enfrenta restrições médicas. No último fim de semana, participou do evento de lançamento da candidatura de Fernando Haddad à prefeitura de São Paulo com um megaevento neste sábado em São Paulo.

A ausência da ex-prefeita Marta Suplicy, no entanto, quase estragou a festa . Ela disse ao PT que iria mas não apareceu nem deu explicações.

A partir deste mês, Lula deve participar com mais empenho da campanha de Haddad. A principal limitação do ex-presidente ainda é a voz, que perde volume e timbre originais quando ele discursa ou fala por mais tempo. Desde o final do ano passado, ele tem feito sessões diárias de fonoaudiologia.

Lula ainda sofre com os fortes efeitos colaterais da quimio e radioterapia. Um deles é a neuropatia, alteração no nervo que provoca fragilização da musculatura que provocou uma queda do ex-presidente quando pisou em falso. Logo depois, apareceu de bengala em um evento no Rio, no início de maio. E pouco mais de 15 dias depois, ainda usava uma tala escondida pela barra da calça em um evento na Câmara Municipal de São Paulo.

    Leia tudo sobre: lula
    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.