'Não se trata de um novo vazamento', diz Ibama

Órgão ambiental diz que como não há poço operando no local, bolhas de petróleo podem vir de afloramento natural

AE |

selo

O Instituto Brasileiro do Meio Ambiente e dos Recursos Naturais Renováveis (Ibama) divulgou uma nota hoje informando que em princípio o incidente envolvendo a Chevron no Campo de Frade , no Rio de Janeiro, "não se trata de um novo vazamento, uma vez que o poço não estava operando".

Entenda o caso: ANP diz que há novo vazamento da Chevron na Bacia de Campos

"Segundo informações preliminares, ocorreu um afloramento de óleo, provavelmente decorrente do vazamento registrado em novembro de 2011", informou o órgão ambiental. A Coordenação de Emergências Ambientais e a Coordenação Geral de Petróleo e Gás do Ibama estão acompanhando a ocorrência juntamente com a Agência Nacional do Petróleo (ANP).

Leia mais sobre os problemas da Chevron no Campo de Frade:
ANP conclui investigação e mantém proibição à Chevron
PF indicia Chevron, Transocean e seus executivos por vazamento de óleo no Rio
"Chevron pode ser expulsa do Brasil", diz Lobão
Vazamento na Bacia de Campos pode ser 10 vezes pior que o divulgado

    Leia tudo sobre: vazamento de petróleoanpchevron

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG