Após xingar Nordeste de 'escroto', piloto se desculpa e diz não ter preconceito

Por iG São Paulo | - Atualizada às

compartilhe

Tamanho do texto

Após não ser atendido como gostaria em um restaurante de João Pessoa, piloto da Avianca publicou em uma rede social que povo nordestino é mal-educado e folgado

Um piloto de avião causou polêmica nesta semana ao publicar em seu perfil no Facebook um texto com ofensas ao povo nordestino. O ponto de partida para o comentário foi a insatisfação pelo atendimento em um restaurante em João Pessoa, na Paraíba. 

Outro caso: Estudante chama nordestino de 'lixo' e 'macacada' no Twitter

Em seu post, o piloto afirmou: “Pra manter o padrão porco, nojento, relaxado, medíocre, escroto de tudo no Nordeste como sempre… Depois de 1 hora e 10 esperando um filé de peixe simples sem nada de diferente, eles conseguem errar e fazer outra coisa completamente diferente do cardápio, que já não tem opção nenhuma. Povo escroto do cara...! Lugar nojento”.

Reprodução/Facebook
Publicação que gerou criticas nas redes sociais

A afirmação repercutiu nas redes sociais e internautas começaram a contestar a publicação. Em uma resposta, o piloto continuou com a mesma opinião e disse que não se tratava de preconceito. “É a opinião de quem acha esse lugar uma merda e pronto. Os serviços são sujos e o povo em geral é mal-educado e folgado".

A empresa aérea em que o piloto trabalha divulgou um comunicado nesta quinta-feira criticando a opinião do funcionário. Segundo a Avianca, a empresa "repudia veementemente o comentário atribuído a um funcionário seu, veiculado nas redes sociais, de cunho preconceituoso. Qualquer ato contrário à ética é desprezado pela Avianca", afirma a nota.

Mas ainda nesta quinta-feira, em um novo post em uma nova conta, o piloto pediu desculpas para quem se sentiu ofendido e reafirmou que não é preconceituoso. Segundo ele, o comentário foi feito em um "momento de raiva e insatisfação de atendimento do restaurante". Veja abaixo o novo post do piloto:

"Ontem fiz um comentário infeliz, num momento de raiva e insatisfação de atendimento do restaurante em que estava.

Quero esclarecer que não tenho nada contra as pessoas do nordeste, lugar que com frequência fui feliz em escolher para passar os momentos em que não estava trabalhando. Conheci lugares e pessoas incríveis, fiz amizades que perduram até hoje, sendo prova disso, minha namorada, que conheci em Recife.

Ontem, após um dia que já começou errado resolvendo um monte de questões pessoais, estava faminto e com o horário já apertado para sair para trabalhar e depois de um terrível atendimento que me deixou por mais de uma hora esperando um prato simples, e quando trouxe à mesa, era a refeição errada.

Atenderam-me de forma mal educada, displicente e até mesmo desrespeitosa naquele lugar.

Meu erro, foi ter exposto toda a minha insatisfação da maneira errada, usando palavras e expressões incorretas, onde não eu não soube expressar o que realmente senti naquele momento. Sei que o certo seria ter paciência, e no máximo, reclamado com o gerente.
Peço desculpas a quem se sentiu ofendido com minha publicação. Não sou, e nunca tive preconceito de qualquer tipo principalmente com pessoas nordestinas, dos quais muitos são meus amigos".

Leia tudo sobre: pilotojoão pessoapreconceitoofensas

compartilhe

Tamanho do texto

notícias relacionadas