Randolfe Rodrigues, senador e vice-presidente da CPI da Pandemia
Geraldo Magela/ Agência Senado
Randolfe Rodrigues, senador e vice-presidente da CPI da Pandemia


O senador Randolfe Rodrigues (Rede-AP) desistiu de se candidatar ao governo do Amapá. O vice-presidente da Comissão Parlamentar de Inquérito (CPI) da Pandemia vai atuar na coordenação da  campanha do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT) à Presidência da República.


A decisão foi anunciada pelo parlamentar na tarde desta terça-feira (22), em sessão do Senado. “Nos últimos meses os meus concidadãos, homens, mulheres e sobretudo a juventude, linda juventude deste tempo, página de um sonho bom, me acariciou e animou para um dos maiores sonhos de qualquer político ao seu tempo: governar a sua terra”, declarou Randolfe antes de ponderar que "tudo que sempre acontece na vida tem o seu momento e o seu destino".


“Acredito que o tempo e o destino me determinaram que serei mais útil a todos amapaenses daqui de Brasília apoiando a reconstrução e resgatando a esperança”, acrescentou. Eleito em 2018, Randolfe tem mais quatro anos de mandato como senador e, portanto, não precisa disputar a eleição deste ano para se manter no cargo.

Leia Também



Com isso, ele contou que, há um mês, foi convidado por Lula para auxiliar na coordenação da campanha e decidiu aceitar a tarefa. Para substituí-lo na disputa estadual, a Rede sugere "o nome e a juventude" do suplente de deputado federal Lucas Abrahão. Quanto a isso, Randolfe frisou que trabalha "sem arrogância e imposição", em busca de diálogos com o PSB, PT, PV, PCdoB, PSOL e MDB.


Fábio Faria fora das eleições

Mais cedo, o ministro das Comunicações, Fábio Faria, também anunciou que não vai mais disputar as eleições . Ele era pré-candidato ao Senado pelo Rio Grande do Norte, posto que disputava com o ministro do Desenvolvimento Regional, Rogério Marinho. Segundo Faria, sua desistência foi motivada pelo desejo de deixar um legado no governo federal com a implementação do 5G.

** Ailma Teixeira é repórter nas editorias Último Segundo e Saúde, com foco na cobertura de política e cidades. Trabalha de Salvador, na Bahia, cidade onde nasceu e se formou em Jornalismo pela Universidade Federal da Bahia (Ufba), em 2016. Em outras redações, já foi repórter de cultura e entretenimento. Atualmente, também participa do “Podmiga”, podcast sobre reality show, e pesquisa sobre podcasts jornalísticos no PósCom/Ufba.

    Veja Também

    Mais Recentes

      Comentários