Bolsonaro vai a evento da FAB e ouve música de antissemita ídolo dos nazistas
Reprodução/redes sociais
Bolsonaro vai a evento da FAB e ouve música de antissemita ídolo dos nazistas

presidente Jair Bolsonaro (sem partido) compareceu na última segunda-feira (30) a um evento em comemoração aos 80 anos da da Força Aérea Brasileira e ouviu, da banda militar, uma ópera do compositor alemão Richard Wagner (1813-1883) - conhecido por ser antisemita e uma referência ao governo nazista enquanto esteve no poder.

Embora tenha falecido antes da chegada de Adolf Hitler ao poder, suas músicas influenciaram a propaganda nacional-socialista através do apelo nacionalista. A ópera tocada pelos militares recebeu o nome de 'Chamada de 'Os Mestres Cantores de Nuremberg: Prelúdio', os militares'.

O evento contou com a presença do ex-secretário Nacional de Cultura, Roberto Alvim - que considera Richard um de seus artistas preferidos. Alvim foi exonerado após realizar um discurso com referências nazistas, utilizado por Joseph Goebbels, ministro da Propganda de Adolf Hitler.


Questionada, a Força Aérea Brasileira não se pronunciou sobre a reprodução das músicas do antissemita Richard Wagner.

    Veja Também

    Mais Recentes

      Comentários