Omar Aziz e Renan Calheiros
Divulgação/Agência Senado/Edilson Rodrigues
Omar Aziz e Renan Calheiros

Instalada no Senado Federal em 27 de abril, a CPI da Covid completou cinco meses de trabalhos e já se aproxima da entrega do relatório final. Nesta quinta-feira (30), o presidente da comissão, Omar Aziz (PSD-AM), disse que a entrega do relatório por parte do relator Renan Calheiros (MDB-AL) acontecerá no dia 19 de outubro.  Já a votação, deve ocorrer no dia seguinte.

Os trabalhos foram prorrogados devido às denúncias do caso Prevent Senior. Os senadores do chamado G7 acreditam que as irregularidades da operadora de saúde estão ligadas às condutas do governo federal e até ao presidente da República. Além disso, o vice-presidente da CPI, Randolfe Rodrigues (REDE-AP), já defendia que os trabalhos seguissem pelo menos até o final de outubro.

Hoje a CPI ouve o empresário bolsonarista Otávio Oscar Fakhoury, identificado como o "maior financiador de disseminação de notícias falsas". Na próxima terça-feira (5), será a vez de Carlos Alberto de Sá, executivo-proprietário da VTCLog.

“Minha proposta é que ouçamos um dos 12 médicos que atuaram na Prevent Senior, mas isso ainda será definido, e, por fim, na quinta-feira (7/10), um representante da ANS”, indicou Aziz.


    Veja Também

    Mais Recentes

      Comentários