Renan Calheiros (MDB-AL)
Divulgação/Agência Senado/Marcos Oliveira
Renan Calheiros (MDB-AL)

O relator da CPI da Covid, senador Renan Calheiros (MDB-AL) , deve pedir o indiciamento do  presidente Jair Bolsonaro (sem partido) em seu relatório final da Comissão, que termina nos próximos dias. As informações são do jornal O Globo .

O motivo, de acordo com ele, se dá ao fato do mandatário não ter acionado órgãos de investigação sobre  denúncias de irregularidades na negociação da vacina Covaxin pelo Ministério da Saúde. 

A expectativa é que Calheiros apresente o relatório até a próxima quinta-feira (23). Além do pedido contra Bolsonaro, o texto também deve destacar os principais pontos investigados pela Comissão, como o chamado 'gabinete paralelo' , a propaganda de remédios com ineficácia comprovada contra a Covid-19 e a demora na aquisição de imunizantes contra a doença.

Em relação ao crime de prevaricação, Calheiros se refere à denúncia feita pelo deputado Luis Miranda (DEM-DF), em março deste ano . Segundo o relator, o documento estará fortalecido, já que o chefe do Executivo já é alvo de investigação por prevaricação no Supremo Tribunal Federal (STF).

    Veja Também

    Mais Recentes

      Comentários