Carlos Wizard na CPI da Covid-19
reprodução/tv senado
Carlos Wizard na CPI da Covid-19


O empresário Carlos Wizard, acusado de integrar o "gabinete paralelo", durante sua explanação inicial, anunciou que não compareceu a primeira convocação da Comissão de Inquérito Parlamentar (CPI) da Covid-19 para cuidar do seu pai, que está acamado, e sua filha grávida nos Estados Unidos.

Veja o vídeo:


No mesmo momento em que justificou sua ausência, Wizard aproveitou para declarar que permancerá em silêncio durante os questionamentos dos senadores, que afirmaram que Carlos Wizard poderia permanecer calado, mas seria obrigado a ouvir as perguntas da Comissão.

Você viu?

Em resposta aos questionamentos do relator da CPI, Renan Calheiros (MDB-AL), o empresário respondeu todas as perguntas da mesma maneira: "me reservo ao direito de permanecer em silêncio", disse. 

Fala de Wizard irritou o presidente da Comissão de Inquérito, senador Omar Aziz (PSD-AM). Veja vídeo:




    Veja Também

    Mais Recentes

      Comentários