Deputado Luis Miranda (DEM) na CPI da Covid
Jefferson Rudy/Agência Senado
Deputado Luis Miranda (DEM) na CPI da Covid

O deputado Luis Miranda (DEM-DF) declarou nesta segunda-feira (28) que evitou falar o nome de Ricardo Barros (PP-PR), líder do governo na Câmara, na CPI da Covid , “para preservar a imagem dele”.

“Para preservar, inclusive, a pessoa do Ricardo Barros, caso, porventura, não seja ele. Tentei evitar uma polêmica. Não tem prova que é ele”, revela o parlamentar, em entrevista ao Correio Braziliense.

Na última sessão da CPI, na sexta (25), Miranda disse aos senadores que o próprio presidente Jair Bolsonaro (sem partido) apontou Barros como envolvido no superfaturamento na compra da Covaxin .

Apesar de negar ter gravado a reunião com o presidente, o deputado alega que pode vir a apresentar provas se for necessário:

“Sabe quando é que essa resposta, se gravamos ou não, vai aparecer? Se um dia o presidente mentir. E até agora, o que eu vejo, é o constrangimento dele com a situação, talvez por ter confiado em pessoas para as quais ele passou a informação para frente, mas que não fizeram nada. Ele está vendo que vai ter que agir em algum momento, quanto a essas pessoas, eu vejo nas falas dele, mas ele até agora não mentiu”, afirma.


    Veja Também

    Mais Recentes

      Comentários