Live do presidente Bolsonaro na última quinta-feira, 24
Reprodução/Youtube
Live do presidente Bolsonaro na última quinta-feira, 24

O presidente Jair Bolsonaro (sem partido) admitiu, em sua live semanal, na última quinta-feira, 24, que "pode ter coisa errada" no seu governo, corrupção e até "robalheira", sem que ele tenha conhecimento. Bolsonaro afirmou que, se for o caso, vai tomar providências para resolver. Ele comentava as suspeitas de corrupção para compra da Covaxin,  a R$ 80 a dose da vacina produzida na Índia.

"Se tiver roubalheira no meu governo, num ministério qualquer, porque pode haver... Se não se sabe o que acontece por lá, pode haver. Se Deus quiser, não vai ter. São mais de 20 mil obras, muitos convênios com municípios. Pode acontecer algo de errado? Pode. Pode acontecer algo de errado no ministério lá do Tarcísio [Gomes de Freitas], no DNIT? Pode haver, porque ele faz obras no Brasil todo. Pode, na ponta da linha, alguém fazer uma coisa esquisita", afirmou.

E continuou: "A gente vai tomar as providências, como determinei que a Polícia Federal investigue esse caso [da denúncia da Covaxin] desse deputado [Luis Miranda (DEM)] aí, que tem uma ficha, um prontuário, na verdade, bastante extenso. Vai ser apurado com toda certeza. Quem buscou armar aí, vai te dar mal . Agora, corrupção, pessoal? Nós não gastamos um centavo com a Covaxin, não recebemos uma dose de vacina. Que corrupção é essa?", questionou Bolsnaro.

Assista o trecho a partir de 38'28'':


    Veja Também

    Mais Recentes

      Comentários