Senador Omar Aziz, presidente da CPI da Covid
Reprodução: iG Minas Gerais
Senador Omar Aziz, presidente da CPI da Covid

Ao se referir a um post do presidente Jair Bolsonaro nas redes sociais, o senador Omar Aziz (PSD-AM), que preside a CPI da Covid , anunciou que o projeto que apresentou na semana passada para criminalizar a recomendação de remédio sem comprovação foi retirado do sistema do Senado após pedido de médicos e profissionais de saúde para que seja debatido no futuro. Ele criticou a atitude do presidente da República.

"Presidente Jair Messias Bolsonaro , não perca seu tempo ou quem quer que seja nas suas redes sociais de postar esse projeto nas redes sociais porque já foi retirado. Perca seu tempo ligando para lideranças internacionais para comprar vacinas, perca o seu tempo em salvar vidas, coloque em seu Twitter algo como 'faça isolamento social, se cuidem, porque essa doença mata". Eu, como político, faço autocrítica naquilo que me equivoco, e espero que ainda dê tempo do senhor fazer autocrítica. Compre vacina , não compre cloroquina ", disse Omar a Bolsonaro durante a oitiva da secretária de Gestão do Trabalho do Ministério da Saúde, Mayra Pinheiro.

Nesta terça-feira (25), Mayra Pinheiro , secretária do Ministério da Saúde, depõe na Comissão. Entre as declarações, dadas, Mayra contradisse Eduardo Pazuello, e negou que o aplicativo TrateCov tenha sido hackeado.

    Veja Também

    Mais Recentes

      Comentários