Ministros Ricardo Salles (Meio Ambiente), Bento Albuquerque (Minas e Energia) e Gilson Machado (Turismo)
Montagem/iG
Ministros Ricardo Salles (Meio Ambiente), Bento Albuquerque (Minas e Energia) e Gilson Machado (Turismo)

O presidente Jair Bolsonaro (sem partido) negocia com aliados do Centrão a substituição de mais três ministros. Em conversa com aliados, Bolsonaro disse que estão na mira do bloco os ministros Ricardo Salles (Meio Ambiente), Bento Albuquerque (Minas e Energia) e Gilson Machado (Turismo). A informação é do jornalista Kennedy Alencar.

Segundo interlocutores, o presidente da Câmara, Arthur Lira (PP-AL), deverá ser o padrinho de um dos novos integrantes do primeiro escalão do governo federal. Bolsonaro também está ouvindo o presidente do Senado, Rodrigo Pacheco (DEM-MG).

As trocas ocorrem em meio à possibilidade de Bolsonaro se tornar alvo de um processo de impeachment . Em discurso no plenário, Lira já deu recado ao presidente de quem tem um "remédio amargo" que pode ser usado pelo Congresso. O principal motivo para um afastamento seria o combate à pandemia da Covid-19, que tem sido alvo de muitas críticas.

    Veja Também

    Mais Recentes

      Comentários