Rodrigo Maia (DEM-RJ)
Reprodução: iG Minas Gerais
Rodrigo Maia (DEM-RJ)

Uma reunião feita na noite da última terça (3) na casa de Rodrigo Maia (DEM) , em que deputados e outros membros do cenário político nacional se reuniram, foi mobilizado uma campanha para que o presidente da Câmara dos deputados busque a reeleição para um quarto mandato.

O grupo que apoia Maia avaliou que é necessário um nome forte para se opor ao candidato Arthur Lira (Progessistas-AL), líder do centrão que tem o apoio do presidente Jair Bolsonaro.

No jantar desta semana, estavam presentes o ministro do STF, Gilmar Mendes, o senador Renan Calheiros (MDB), o deputado e líder do MDB, Baleia Rossi e Bruno Dantas, ministro do Tribunal de Contas da União (TCU), dentre outros.

Segundo avaliação do grupo, o presidente da Câmara não pode ser controlada pelo governo federal, pois isso significaria aumento de poder e mais cargos prometidos. Um dos participantes do encontro chegou a dizer que a gestão de Bolsonaro não tinha rumo.

Por conta disso, exigem que Rodrigo Maia seja candidato novamente ao cargo. PT e PSDB, que em eleições passadas lançaram candidaturas para a presidência, desta vez iriam apoiar Maia na disputa.

Contudo, é necessário aguardar o Supremo Tribunal Federal decidir como será o pleito. Será votado pelos ministros se a reeleição dos presidentes da Câmara e do Senado é uma questão interna ou se cabe ao Supremo decidir.

A eleição que decidirá o próximo presidente da Câmara dos deputados está marcada para o dia 1 de fevereiro de 2021.

    Veja Também

      Mostrar mais