Em mensagem, deputado alertou colegas de partido sobre os riscos do processo:
Divulgação/Câmara dos Deputados
Em mensagem, deputado alertou colegas de partido sobre os riscos do processo: "vou sacudir o Brasil"

O episódio da  gravação feita pelo deputado Daniel Silveira (PSL-RJ) durante reunião do grupo que apoia o presidente do partido, Luciano Bivar, segue rendendo. Ameaçado de cassação pela conduta, que pode ser avaliada no Conselho de Ética da Câmara, ele fez alerta aos colegas e afirmou ter "coisas para f* o parlamento todo".

Leia também: Joice diz que Planalto tem "puxadinho" e que nunca viu tanta influência no poder

Segundo informa o blog da jornalista Bela Megale, Silveira enviou mensagem aos colegas de  PSL , alertando sobre a possibilidade de cassação de seu mandato. No texto, afirmou que "não estão acostumados" com alguém como ele e que teria formas de "bagunçar o coreto de todo mundo" e "sacudir o Brasil".

Relembre o caso

Em entrevista ao jornal O Estado de São Paulo , Silveira disse que tinha o "blindar" Bolsonaro na guerra declarada contra o presidente do PSL, deputado Luciano Bivar (PE), e que a estratégia foi pensada em reunião do presidente com 20 deputados. A ideia era montar um plano de infiltração no grupo de parlamentares ligados a Bivar.

Você viu?

Para conseguir fazer a gravação, Silveira e outros dois deputados foram para a reunião no gabinete da liderança do PSL. Ele convenceu a todos de que estava do lado de Waldire que assinaria a lista pedindo que este continuasse na liderança do governo na Câmara.

Após gravar a conversa, Silveira voltou ao Planalto e mostrou a Bolsonaro a gravação. "Ele ficou p... da vida", disse.

Leia também: Briga entre vespa e cobra-coral por corpo de outra cobra viraliza; assista

O episódio acabou acirrando ainda mais os ânimos dentro do PSL e dividino os parlamentares entre os apoiadores de Bolsonaro e de Bivar. O próprio Delegado Waldir, após ser exposto pela gravação, acabou se retratando e contemporizando o caso.

    Veja Também

    Mais Recentes

      Comentários