Tamanho do texto

Deputado do PSL atacou PT, PSOL e PCdoB e tirou uma fruta do bolso para fazer um "teatro" sobre eliminar laranjas podres do partido; assista ao vídeo

Alexandre Frota espremeu uma laranja no plenário
Reprodução
Alexandre Frota espremeu uma laranja no plenário


Deputado federal eleito pelo PSL, mesmo partido de Jair Bolsonaro, o ator Alexandre Frota usou o plenário nesta quinta-feira (14) para rebater as principais críticas recebidas pelo presidente. Rebatendo os três partidos que chamou de “escória da corrupção” (PT, PSOL e PcdoB), o parlamentar terminou o discurso dizendo que quer o fim das laranjas podres e demonstrou esmagando a fruta (veja o vídeo).

Leia também: Alexandre Frota desativa Twitter após 'pegadinha' de internautas


Usando de ironia e palavreado forte, Alexandre Frota lembrou que os deputados do PT, do PSOL e do PCdoB pedem a prisão de Fabrício Queiroz todos os dias, mas ao mesmo tempo pedem que Lula ganhe liberdade.

"Querem transferir para Bolsonaro o título de doutor honoris causa em corrupção, sendo que este doutor está em Curitiba, condenado a 24 anos”, discursou o deputado, fazendo referência ao ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva.

Na sua fala, Frota afirma que também gostaria que Queiroz estivesse preso, mas que soa como hipócrita pedir isso e ao mesmo tempo querer Lula livre.

Leia também: Frota é condenado a pagar R$ 295 mil a Jean Wyllys por fala falsa de pedofilia

Alexandre Frota faz provocações ao PSOL

Alexandre Frota atacou o deputado Ivan Valente (PSOL-SP)
Antonio Cruz/ Agência Brasil
Alexandre Frota atacou o deputado Ivan Valente (PSOL-SP)


O deputado do PSL continuou fazendo críticas ao PSOL, partido que chamou de “filhote do PC”, referência ao antigo Partido Comunista. Em um momento, o ator fala diretamente com o deputado Ivan Valente (PSOL-SP), que segundo ele, o chama de ator pornô na Câmara. O apelidando de “Vovô Smurf da política”, Frota diz que o PSOL faz seus filmes parecerem “Sessão da Tarde”.

Leia também: Alexandre Frota denuncia a presença de um “petista” na equipe de transição

“Eu não sabia que ele era meu fã, mas a verdadeira pornografia está do outro lado. Vendo o PSOL falar, os meus filmes parecem Sessão da Tarde”.

Ao terminar seu discurso, o parlamentar lembrou das piadas que o PSL está enfrentando após denúncias de candidaturas de laranjas nas eleições e disse que no partido, estas “laranjas podres serão esmagadas”.

Indagado na quarta-feira sobre a crise interna do seu partido, Frota disse que não liga para o que está acontecendo e que recebeu do PSL apenas uma sigla para conseguir ser deputado. Não teve qualquer ajuda financeira ou eleitoral e que ele só conseguiu se eleger por esforços próprios.

Ator de novelas e filmes, Alexandre Frota está em seu primeiro mandato como deputado. Se notabilizou por ser um grande crítico do ex-presidente Lula e fazer campanha para Jair Bolsonaro nos últimos anos.

    Leia tudo sobre: Lula