Tamanho do texto

Novo governo retira lema "Ordem e Progresso", que era explorado por Temer, e fala em 'novo Brasil' livre da corrupção e da 'erotização de crianças'

Reprodução
"Pátria Amada Brasil": inscrição aparece em nova marca do governo Jair Bolsonaro (PSL)

O presidente Jair Bolsonaro (PSL) divulgou no início da noite desta sexta-feira (4) o novo logotipo do governo federal. A divulgação da marca do governo se deu por meio da conta do próprio presidente no Twitter às 19h46 desta noite e, até a publicação deste texto, ainda não havia sido replicada pelos canais oficiais do Planalto – e nem em outras redes sociais.

Leia também: Mulher de Mourão é confundida com professora universitária em corrente na web

"Um competente trabalho da SECOM [Secretaria de Comunicação] onde expõe a nova logo marca do governo  [ sic ]", exaltou Bolsonaro em sua postagem. "A parte mais importante é que a divulgação está sendo lançada na internet com custo zero, economizando mais de R$ 1,4 milhão aos cofres públicos, se a ação fosse realizada pelos canais tradicionais de TV", complementou o presidente.

A nova marca traz a inscrição " Pátria Amada Brasil ", retirada da letra de Olavo Bilac para o Hino Nacional, logo acima da assinatura "governo federal". Os textos são acompanhados de uma representação estilizada da bandeira do Brasil, sem as estrelas brancas e sem a inscrição "Ordem e Progresso".

Marca do governo em fundo branco
Reprodução/Twitter - @CarlosBolsonaro
Marca do governo em fundo branco

O logotipo anterior, do governo Michel Temer (MDB), destacava justamente o lema que aparece na bandeira do Brasil. Já nos governos anteriores, de Dilma Rousseff e Luiz Inácio Lula da Silva (PT), foram adotadas as inscrições "Pátria Educadora", "País Rico é País Sem Pobreza" e "Um País de Todos".

Leia também: Bolsonaro sanciona lei que autoriza aluno a faltar por motivo religioso

O vídeo de lançamento da nova identidade visual do governo traz um texto que exalta o "novo Brasil sem corrupção" e sem a "erotização de nossoas crianças". "Em 2018, não fomos às urnas apenas para escolher um novo presidente. Fomos às urnas para escolher um novo Brasil, sem corrupção, sem impunidade, sem doutrinação nas escolas e sem a erotização de nossas crianças. Fomos às urnas para resgatar o Brasil", diz a peça publicitária.

Apesar da confirmação da nova marca do governo , os canais oficiais do Planalto ainda não foram atualizados e seguem exibindo outra customização da bandeira nacional tremulante. O design dessa imagem, bem como o de outros 'avatares' adotados por órgãos do governo federal na recém-iniciada nova gestão, têm sido alvos de críticas por parte de profissionais da área e de internautas.

Leia também: "Queremos continuar sendo indígenas", dizem lideranças em carta a Bolsonaro

Veja vídeo de lançamento da nova marca do governo:


    Notícias Recomendadas

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.