Tamanho do texto

Manifestantes pró e contra a soltura do petista já se reúnem para realizar manifestações; políticos e movimentos sociais estão convocando ato

Militantes do PT estão se organizando para ir a Curitiba acompanhar a possível soltura de Lula
Joka Madruga / PT Nacional
Militantes do PT estão se organizando para ir a Curitiba acompanhar a possível soltura de Lula

Militantes do PT já estão organizando caravanas para ir a Curitiba acompanhar a possível soltura do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva. A presidente do partido, a senadora Gleisi Hoffmann, e outros políticos já embarcaram para a cidade.

A defesa do ex-presidente  Lula entrou com um pedido de soltura de seu cliente 48 minutos após a decisão do ministro do Supremo Tribunal Federal (STF), Marco Aurélio Mello, nesta quarta-feira (19), que veta a prisão de condenados em segunda instância.

Na liminar, o ministro decide diz que só devem permanecer presos os condenados com processo já com trânsito em julgado, sem recursos pendentes, o que não é o caso do ex-presidente.

Leia também: Meio político se divide em defesa e ataque à decisão de Marco Aurélio Mello

Em frete à Superintendência da Polícia Federal, manifestantes pró e contra a soltura do petista já se reúnem para realizar manifestações. Pelas redes socias, políticos e movimentos sociais estão convocando a militância para ato em frente à superintendência.

“Queremos que Lula passe o Natal e o Ano Novo com sua família e com o povo brasileiro”, escreveu o deputado Valmir Prascidelli (PT-SP). O deputado Jorge Solla (PT-BA) completou: “Que o presidente Lula possa passar o Natal em família, em casa, com a liberdade que lhe é de direito, pois crime não cometeu”.

"Lula livre até o natal"

Gleisi Hoffmann afirmou no último dia 10 que o partido esperava que Lula fosse solto até o Natal
Reprodução/Facebook
Gleisi Hoffmann afirmou no último dia 10 que o partido esperava que Lula fosse solto até o Natal

No último dia 10, Gleisi Hoffmann disse que o partido esperava “que até o Natal” o ex-presidente poderia ser solto . A afirmação foi feita para militantes e simpatizantes da sigla durante uma Conferência Internacional em Defesa da Democracia, promovida pela Fundação Perseu Abramo, em São Paulo.

"Temos muita esperança que Lula saia da prisão antes do Natal. Se isso não acontecer, estamos organizando um Natal com Lula", afirmou a senadora na época. A senadora ainda pediu à plateia que escrevesse mensagens em cartões postais com o rosto do ex-presidente, para que pudessem ser entregues a ele na carceragem da PF.

    Leia tudo sobre: Lula
    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.