Bruno Caetano Campos, o BR, fugiu do Instituto Penal Plácido de Sá Carvalho, no Complexo de Gericinó
Reprodução
Bruno Caetano Campos, o BR, fugiu do Instituto Penal Plácido de Sá Carvalho, no Complexo de Gericinó

Acusado de fazer parte de uma milícia que atua na Zona Oeste do Rio, Bruno Caetano Campos fugiu nesta quinta-feira do Instituto Penal Plácido de Sá Carvalho, no Complexo de Gericinó. Conhecido como BR, o criminoso estava preso há um mês e uma semana. Ele tinha se entregado à polícia no dia 25 de janeiro, depois de ficar dois meses foragido.

Segundo informações da Secretaria de Administração Penitenciária (Seap), Bruno estava separado dos outros presos, após alegar que estava sendo ameaçado.

A fuga foi registrada na  34ªDP (Bangu) e também é alvo de investigação da corregedoria da Seap. “O local onde o preso estava será periciado e equipes da engenharia da Seap também avaliam o local para identificar eventuais fragilidades”, informou nota da pasta.

Os agentes da Divisão de Recaptura da secretaria fazem buscas na mata no entorno do complexo penitenciário e contam ainda com apoio das equipes da Subsecretaria de Inteligência da pasta para identificar o paradeiro de BR.

Leia Também

Bruno já respondia a procedimento disciplinar na Seap por não ter retornado ao presídio em novembro do ano passado, após uma visita à família. Em janeiro deste ano, de forma espontânea, ele se apresentou no presídio para voltar a cumprir sua pena.

BR já foi condenado a 12 anos de prisão por homicídio qualificado.

Entre no  canal do Último Segundo no Telegram e veja as principais notícias do dia no Brasil e no Mundo.


    Veja Também

    Mais Recentes

      Comentários