Lázaro Barbosa foi morto nesta segunda-feira (28)
Reprodução
Lázaro Barbosa foi morto nesta segunda-feira (28)

Duas das vítimas de Lázaro Barbosa disseram que foram obrigadas a segurar um "espelhinho" para que ele pudesse fazer a barba. O  suspeito foi morto na manhã desta segunda-feira (28) após troca de tiros com policiais em Águas Lindas de Goiás. As informações são do portal G1 .

O delegado Cléber Martins afirmou que esse detalhe aparece em dez inquéritos só em Goiás . Ele destacou que, quando foi morto, Lázaro estava com a barba recém-feita. O homem é apontado como autor de pelo menos 30 crimes em Goiás, Bahia e Distrito Federal.

"Durante a fuga, uma das chácaras em que ele foi havia um casal. Ele fez a mulher cozinhar para ele e segurar um espelhinho enquanto ele se barbeava. Em outro crime, dessa vez contra um caseiro, ele também obrigou a vítima a segurar esse espelhinho enquanto fazia a barba", afirmou o delegado.

O secretário de Segurança Pública, Rodney Miranda, destacou que a  morte de Lázaro não encerra as investigações sobre o caso.

Além de segurar o espelho, as vítimas também eram obrigadas a tirar as roupas e cozinhar para ele. Segundo os policiais , ao invadir as chácaras, Lázaro também pegava alimentos e itens de higiene para continuar a fuga. 

Ainda, a Polícia Civil afirmou que os crimes em que as investigações apontaram que  Lázaro agiu sozinho serão arquivadas, mas as que há indícios de que ele teve ajuda, ainda estão sendo apuradas.

    Veja Também

    Mais Recentes

      Comentários