Marina Kholer Harkot
Divulgação / Arquivo Pessoal
José Maria da Costa Júnior atropelou e matou a cicloativista Marina Kholer Harkot

A Polícia Civil está investigando se o motorista que atropelou e matou a cicloativista  Marina Kholer Harkot havia consumido bebida alcóolica e dirigia em alta velocidade. José Maria da Costa Júnior fugiu da cena do crime e não prestou socorro para vítima na madrugada do último domingo (8).

O atropelamento aconteceu na Avenida Paulo VI, região do Sumaré, zona oeste de São Paulo. Uma testemunha ocular conseguiu anotar a placa do veículo de José Maria e chamou as autoridades.

O motorista havia se apresentado dois dias após a morte de Marina Harkot com seu advogado à polícia após a repercussão do caso. O automóvel de José Maria foi encontrado ao lado do prédio onde ele mora, no centro de São Paulo.

O empresário responde pelo crime em liberdade.

    Veja Também

      Mostrar mais