O suspeito de estupro foi levado para a 21ª DP, no Rio de Janeiro
Divulgação
O suspeito de estupro foi levado para a 21ª DP, no Rio de Janeiro

Um homem de 22 anos foi preso, nesta terça-feira (20), em Bonsucesso, na Zona Norte do Rio, por policiais da 21ª DP suspeito de estuprar um menino de 9 anos . Levado para a delegacia, ele confessou o abuso sexual e atribuiu o crime a um suposto surto sem causa definida. O suspeito foi autuado em flagrante por estupro de vulnerável .

"A delegacia foi comunicada por uma família de que seu filho de apenas 9 anos havia acabado de ser abusado sexualmente por um amigo da família. Imediatamente os policiais partiram em diligência. Os agentes conseguiram prendê-lo e ele foi autuado por esse crime que havia acabado de cometer", disse o delegado Hilton Alonso, titular da 21ª DP.

O crime aconteceu pela manhã, na casa da vítima, em Bonsucesso. Um parente da família havia morrido e a direção do hospital pediu documentos dele para fazer a liberação do corpo . A criança ficou dormindo em casa. Na unidade de saúde, a família percebeu que havia esquecido um dos documentos e pediu que o suspeito fosse até a residência para buscá-lo.

Você viu?

Por volta das 9h40, a mãe do menino recebeu uma mensagem do filho: "Mãe, não deixa mais o (...) ficar aqui em casa". A mulher perguntou ao menino o que havia acontecido e ele relatou o abuso . De acordo com a polícia, mesmo muito nervoso e abalado, o menino contou detalhes do que sofrera.

Segundo a vítima, após o estupro , ela passou a gritar por socorro e disse que contaria aos pais o que havia acontecido. O suspeito, então, mandou o menino agir como se nada tivesse acontecido.

O pai da criança disse aos policiais que, após saber do que havia acontecido, ligou para o amigo e ele, mesmo antes de saber o motivo do telefonema, disse: "Vocês estão me acusando de estupro ". A família, então, registrou o caso na 21ª DP.

    Veja Também

    Mais Recentes

      Comentários