Zelensky critica postura de neutralidade de Bolsonaro
Ansa
Zelensky critica postura de neutralidade de Bolsonaro

Em entrevista divulgada nesta terça-feira (19), o presidente ucraniano Volodymyr Zelensky criticou a postura de neutralidade de  Jair Bolsonaro diante da guerra que acontece na Ucrânia após a invasão russa. 

De acordo com o chefe executivo da Ucrânia, o presidente brasileiro não pode se manter neutro enquanto há uma guerra no mundo.

"Eu não apoio a posição dele de neutralidade. Eu nao acredito que alguém possa se manter neutro quando há uma guerra no mundo", afirmou Zelensky. Ele completou fazendo uma comparação com o período da Segunda Guerra mundial.

"Vamos pensar na Segunda Guerra Mundial. Muitos líderes ficaram neutros num primeiro momento. Isso permitiu que os fascistas engolissem metade da Europa e se expandissem mais e mais, capturando toda a Europa", ressaltou.

Na entrevista, que foi exibida no Jornal Nacional, o presidente ucraniano resaltou que, em conversa que teve com Bolsonaro, pediu para que ele tomasse uma posição, dado que ele tinha a certeza de que os dois países compartilham e apoiam os mesmo valores. 

“Eu disse para o presidente: ‘preciso de uma posição do Brasil. Eu conto com o seu povo, eu sei que tipo de pessoas estão lá, elas são maravilhosas. Eu tenho certeza de que elas apoiam os mesmo valores que nós apoiamos. Independente da língua que falamos. Somos só um povo.’”


Mesmo sem se posicionar oficialmente, o presidente do Brasil teria dito a Volodymyr que apoia a soberania e a integridade territorial da Ucrânia.

Zelensky enfatizou ainda que a Rússia capturou parte do território da Ucrânia há oito anos, e que a guerra é contra a população civil da Ucrânia.

"A guerra não é entre a Ucrânia e a Rússia, é a guerra da Rússia contra o povo Ucraniano. Porque, mais uma vez, eles estão em nosso território. Nós não chegamos a um meio-termo porque um país declarou guerra contra o outro. Não. Um país capturou parte do nosso território há 8 anos."

Entre no  canal do Último Segundo no Telegram e veja as principais notícias do dia no Brasil e no Mundo.  Siga também o  perfil geral do Portal iG.

    Veja Também

    Mais Recentes

      Comentários