Pessoas foram baleadas em tiroteio na África do Sul
Reprodução / GloboNews - 10.07.2022
Pessoas foram baleadas em tiroteio na África do Sul

Dois ataques em bares da África do Sul , um em Soweto e outro em Pietermaritzburg, deixaram ao menos 19 mortos e 19 feridos entre a noite de sábado (9) e a madrugada do domingo (10), informam as autoridades do país.

O primeiro ataque ocorreu em um bar de Soweto, onde um grupo de homens armados entrou no local e começou a disparar de maneira aleatória com fuzis automáticos e armas de calibre 9mm. Ali, 15 foram assassinados e outros 11 ficaram feridos.

Sobreviventes informaram que chamaram a polícia imediatamente, mas os oficiais só apareceram cerca de quatro horas depois. Os atiradores teriam chegado em uma van e fugido rapidamente após disparar. Não houve nenhum tipo de grito, fala ou justificativa que indicasse a motivação do crime.

Os mortos tinham entre 19 e 35 anos e, segundo os moradores, "os corpos estavam caídos um em cima dos outros" e era preciso "saltar por eles para tentar achar nossos entes queridos."

Horas depois, outro episódio foi registrado em Pietermaritzburg, cidade de área rural a cerca de 500 quilômetros de Soweto.

Também em um bar, quatro pessoas foram assassinadas e outras oito ficaram feridas, de acordo com o porta-voz da polícia local, Nqobile Gwala.

"As pessoas estavam bebendo quando um carro parou na frente do bar. Dois homens saíram do carro, entraram no bar e abriram fogo sem mirar em ninguém e 12 pessoas foram atingidas. Duas morreram no local e duas no hospital e elas tinha entre 30 e 45 anos", informou ainda.

Neste domingo, o presidente da África do Sul, Cyril Ramaphosa, publicou uma nota oficial em que afirma que "não podemos permitir que criminosos violentos nos aterrorizem dessa maneira" e que as mortes são "inaceitáveis e inquietantes".

Entre no  canal do Último Segundo no Telegram e veja as principais notícias do dia no Brasil e no Mundo.  Siga também o  perfil geral do Portal iG.

    Veja Também

    Mais Recentes

      Comentários