Presidente dos Estados Unidos, Joe Biden
Twitter Joe Biden/ Fotos Públicas
Presidente dos Estados Unidos, Joe Biden

O presidente dos EUA, Joe Biden, insistiu nesta quinta-feira que há unidade na Cúpula das Américas, depois que os líderes da Argentina e Belize o criticaram abertamente por excluir do encontro regional três líderes de esquerda.

"Apesar de algumas divergências relacionadas à participação, em questões substantivas, o que ouvi foi quase unidade e uniformidade", disse Biden.

O presidente americano disse que viu "uma concordância quase total" em questões como gerenciamento de migração e combate às mudanças climáticas, e pediu mais discussões sobre os detalhes antes do encerramento da Cúpula, na sexta-feira.

Biden se recusou a convidar os líderes esquerdistas de Cuba, Nicarágua e Venezuela, descrevendo-os como autocratas não bem-vindos em uma cúpula dedicada à democracia.

Críticas duras de Fernández

O presidente mexicano, Andrés Manuel López Obrador, recusou-se a comparecer em protesto à exclusão dos outros países latino-americanos. E o presidente da Argentina, Alberto Fernández, que foi persuadido a comparecer após um telefonema de Biden, criticou a decisão na frente do presidente dos EUA na cúpula em Los Angeles.

"Ser o país anfitrião da cúpula não concede a capacidade de impor um direito de admissão aos países membros do continente", disse Fernández.

Mais tarde, Fernández apertou a mão de Biden antes que o presidente americano, que compareceu à cúpula ao lado da vice-presidente Kamala Harris, voltasse para falar e abordar as críticas.

Biden também foi criticado por Johnny Briceño, primeiro-ministro de um dos menores países da região, Belize, que disse ser "indesculpável" não convidar todos os países.

Elogiando a exportação de médicos cubanos — uma prática que as autoridades americanas denunciam como tráfico — Briceño chamou as sanções americanas a Cuba de "crime contra a humanidade".

Entre no  canal do Último Segundo no Telegram e veja as principais notícias do dia no Brasil e no Mundo.  Siga também o  perfil geral do Portal iG.

    Veja Também

    Mais Recentes

      Comentários