Irma foi uma das professoras mortas no ataque do Texas
Reprodução/Twitter John Martinez
Irma foi uma das professoras mortas no ataque do Texas


O marido de uma das professoras mortas no ataque a uma escola no Estado do Texas, nos Estados Unidos , morreu após ter um ataque cardíaco nesta quinta-feira (26).

Joe Garcia era casado com Irma Garcia, a professora que teria se jogado na frente dos alunos para defendê-los no momento que o atirador começou a disparar na escola localizada na cidade de Uvalde, na última terça-feira.

O homem, de 50 anos, visitou o túmulo da mulher nesta quinta-feira para levar flores. De acordo com informações publicadas por um sobrinho da professora e confirmadas pela imprensa local, ao chegar e casa o rapaz teve o infarto.

Joe e Irma eram casados há 24 anos e tinham quatro filhos, de 23, 19, 15 e 13 anos de idade. A professora atuava na profissão há mais de vinte anos, e trabalhou na Robb Elementary durante todo o período.


Amigos e familiares estão organizando uma vaquinha para ajudar no funeral do casal Garcia. Mais de US$ 200 mil já foram arrecadados para a realização da cerimônia.

O ataque realizado por Salvador Ramos, de 18 anos, que matou matou 21 pessoas no colégio primário no Texas já é considerado o mais mortal em uma escola desde a ocorrência em Sandy Hook, em dezembro de 2012. Na ocasião, 26 pessoas foram assassinadas, incluindo 20 menores de idade.

Entre no  canal do Último Segundo no Telegram e veja as principais notícias do dia no Brasil e no Mundo.  Siga também o  perfil geral do Portal iG.

    Veja Também

    Mais Recentes

      Comentários