Rússia realizou ataquem em Kiev durante visita de secretário-geral da ONU
Ansa
Rússia realizou ataquem em Kiev durante visita de secretário-geral da ONU

O presidente da Ucrânia, Volodymyr Zelensky, disse que os  ataques russos a Kiev tinham como objetivo "humilhar a ONU". A declaração foi dada após mísseis atingirem o centro da capital.

Segundo Zelensky, cinco mísseis russos atingiram Kiev. "Hoje, imediatamente após o fim de nossas conversas em Kiev, mísseis russos voaram para a cidade. Cinco mísseis. Isso fala muito sobre a verdadeira atitude da Rússia em relação às instituições globais, os esforços da liderança russa para humilhar as Nações Unidas e tudo o mais que a organização representa", disse o líder ucraniano, ressaltando que é preciso "uma resposta adequada e poderosa".

Ataques russos atingiram Kiev nesta quinta-feira (28), durante a visita do secretário-geral da ONU, Antonio Guterres, informou o prefeito da capital ucraniana, Vitali Klitschko.


Leia Também

"Nesta noite, os russos atacaram novamente a capital ucraniana com mísseis", anunciou o prefeito na Telegram, fazendo referência a "dois ataques registrados no distrito de Shevchenkivskyi, uma área no centro da cidade".

Leia Também

Duas fortes explosões foram ouvidas em Kiev, onde foi possível ver uma coluna de fumaça, enquanto ocorria a coletiva de imprensa do presidente da Ucrânia, Volodymyr Zelensky, e do secretário-geral da ONU.

De acordo com relatos à ANSA, os mísseis atingiram uma área vizinha ao centro de Kiev. Policiais, militares e pelo menos duas ambulâncias foram para o local. Até o momento, não há informações sobre vítimas.

Entre no  canal do Último Segundo no Telegram e veja as principais notícias do dia no Brasil e no Mundo.

    Veja Também

    Mais Recentes

      Comentários