Refugiados vindos da Ucrânia entram na Polônia pela fronteira de Medyka
Reprodução/ACNUR
Refugiados vindos da Ucrânia entram na Polônia pela fronteira de Medyka

Nesta terça-feira (22), o jornalista russo Dmitry Muratov anunciou que vai leiloar a medalha que ganhou do Prêmio Nobel da Paz em 2021 para destinar o lucro aos refugiados ucranianos .

Muratov é editor do jornal Novaya Gazeta, que "decidiu doar a medalha do Prêmio Nobel da Paz de 2021 a um fundo destinado a ajudar os refugiados ucranianos", segundo o jornalista.

A medalha, feita de uma liga de ouro e prata, será avaliada por uma casa de leilões e, depois, vendida pelo lance mais alto, conforme nota divulgada.

De acordo com o jornalista, a Novaya Gazeta — último meio de comunicação independente ainda em operação na Rússia — deseja ajudar "refugiados civis, crianças feridas e aqueles que estão doentes e precisam de tratamento urgente".

Leia Também

Leia Também

O jornal também pediu que medidas "imediatas" sejam tomadas na Ucrânia, como um cessar-fogo , o fornecimento de ajuda a civis que ainda estão no país e a criação de mais corredores humanitários .

Segundo dados divulgados pela Organização das Nações Unidas (ONU) nessa segunda (21), o número de refugiados da Ucrânia já chega a 3,5 milhões desde o início da invasão russa, em 24 de fevereiro .

O jornal é conhecido por fazer investigações sobre casos de corrupção e abusos de direitos humanos na Chechênia, região da Rússia. As denúncias já levaram à morte de seis colaboradores desde a década de 1990.

Entre no  canal do Último Segundo no Telegram e veja as principais notícias do dia no Brasil e no Mundo.


    Veja Também

    Mais Recentes

      Comentários