Marinha da Ucrânia afunda seu principal navio
Reprodução/Twitter
Marinha da Ucrânia afunda seu principal navio

Tropas russas entraram nesta sexta-feira (4) na cidade portuária de Mykolaiv, situada às margens do Mar Negro, no sul da Ucrânia.

Com cerca de meio milhão de habitantes, Mykolaiv fica a meio caminho entre Kherson, cidade já tomada pela Rússia, e a estratégica Odessa, terceiro município mais populoso da Ucrânia, com aproximadamente 1 milhão de moradores.

Durante o assalto russo a Mykolaiv, a Marinha ucraniana afundou um navio de guerra para não deixá-lo cair nas mãos dos invasores.

Já no nordeste ucraniano, Kharkiv, com 1,4 milhão de habitantes, está sob intenso assédio desde o início da semana. "Ontem [3] contamos mais de 2 mil mortos, incluindo mais de 100 crianças", afirmou Sergey Chernov, presidente da Assembleia Legislativa da região de Kharkiv - os números não puderam ser verificados de forma independente.

Leia Também

Em Chernihiv, no norte, as autoridades locais contabilizam pelo menos 47 civis assassinados em um ataque russo na última quinta-feira.

A invasão da Ucrânia pela Rússia começou em 24 de fevereiro, mas as tropas de Moscou vêm enfrentando mais resistência do que se esperava.

O regime de Vladimir Putin diz que seu objetivo é "desmilitarizar" e "desnazificar" a Ucrânia, enquanto Kiev e as potências ocidentais acusam o Kremlin de querer instaurar um governo fantoche para impedir a aproximação do país com a União Europeia e a Otan.

Entre no  canal do Último Segundo no Telegram e veja as principais notícias do dia no Brasil e no Mundo.

    Veja Também

    Mais Recentes

      Comentários