Homem mais velho do mundo morre aos 112 anos de idade na Espanha
Reprodução
Homem mais velho do mundo morre aos 112 anos de idade na Espanha

O espanhol Saturnino de la Fuente García, certificado pelo  Guinness World Records como o homem mais velho do mundo, morreu na última terça-feira (18) aos 112 anos de idade.

Conhecido como "El Pepino", De la Fuente nasceu em 11 de fevereiro de 1909 e faleceu em sua casa na cidade de León, no noroeste da Espanha. De la Fuente, que foi sapateiro ao longo da sua vida, entrou para o livro dos recordes em setembro passado.

Na ocasião, o Guinness World Records postou um vídeo em suas redes sociais celebrando o 112º aniversário do espanhol, que recebeu de presente um bolo e o certificado de homem mais velho do mundo.

Na época, o espanhol afirmou que "viveu uma vida tranquila" ao lado da sua esposa, Antonina Barrio Gutiérrez, e teve oito filhos, seguidos por 14 netos e 22 bisnetos.

Leia Também


Apaixonado por futebol, De la Fuente era um dos torcedores mais ilustres do Cultural y Deportiva Leonesa, um clube de León que disputa a terceira divisão do Campeonato Espanhol. Ele recebeu várias homenagens do time em seu aniversário de 110 anos.

"El Pepino" deverá ser enterrado nesta quarta-feira (19) em um cemitério local de León.

    Veja Também

    Mais Recentes

      Comentários