foto do homem na cadeia
Cherokee County DA

Homem foi preso após sequestrar ex-mulher

Um homem foi condenado a 25 anos de prisão após  sequestrar a ex-esposa para fingir que a resgatou, na Geórgia ( EUA ). De acordo com os promotores, Rodney William Metzer, de 36 anos, teria arquitetado o plano na tentativa de reconquistar a mulher. Anteriormente, Metzer já teria inventado um falso diagnóstico de câncer para que a vítima aceitasse voltar com ele.

O suspeito invadiu a casa da mulher armado e usando uma máscara para esconder o rosto em janeiro deste ano, de acordo com o jornal  NY Post . "Quando ele falou com ela, ele disfarçou sua voz", disse a promotora Shannon Wallace em comunicado nessa quinta-feira (26).

"Ele a atingiu com a coronha de sua arma e tentou estrangulá-la duas vezes. Ele amarrou suas mãos com zíper, agrediu-a, colocou uma fronha sobre sua cabeça e a arrastou para o convés", continuou.

Metzer deixou a mulher presa e foi até seu apartamento para trocar de roupa, para retornar e fingir encontrar a vítima amarrada. "Este homem é um mestre da manipulação", afirmou a promotora assistente Rachel Ashe. "Nos dias que antecederam o ataque, ele fingiu um diagnóstico de câncer na tentativa de ganhar a simpatia de sua ex-mulher".

Homem foi condenado a 25 anos
Cherokee County DA
Homem foi condenado a 25 anos

Os investigadores acreditam que o homem planejava matar a ex-mulher e depois tirar a própria vida. "Felizmente, os investigadores do escritório do xerife perceberam esse esquema e prenderam rapidamente o réu", disse Ashe.

À polícia, Metzer se declarou culpado nas acusações, incluindo sequestro, invasão de residência e abuso sexual, sendo condenado a 25 anos de prisão, seguidos de 45 anos em liberdade condicional.

"Não consigo imaginar o quão aterrorizante isso deve ter sido para ela", disse Wallace sobre a ex-mulher de Metzer. "Este é um exemplo clássico de como o momento mais perigoso para uma vítima de  violência doméstica é quando ela decide deixar um relacionamento abusivo".

    Veja Também

    Mais Recentes

      Comentários