Adam Toledo, de 13 anos, era latino e estava na 7ª série do ensino fundamental, não resistiu ao disparo efetuado por policial
Reprodução Reuters
Adam Toledo, de 13 anos, era latino e estava na 7ª série do ensino fundamental, não resistiu ao disparo efetuado por policial


 Na mesma semana em que o caso de  Daunte Wright, jovem negro morto por uma policial que alega ter confundido arma de choque com uma pistola durante abordagem, o vídeo de um jovem de 13 anos sendo morto com um tiro no peito em uma abordagem policial em Chicago causou revolta nos Estados Unidos .

Adam Toledo , jovem de 13 anos, foi morto no dia 29 de março, mas as imagens do caso só foram divulgadas nesta semana pela Polícia de Chicago.

Segundo agente, que perseguia o jovem filho de imigrantes latinos , Adam carregava uma arma, porém no momento da abordagem, mesmo com os braços levantados, e aparentemente desarmado, é alvo de um tiro na região do peito.

Confira o vídeo:

Nas imagens divulgadas pela câmera de segurança do uniforme do policial, o jovem joga algo fora durante a perseguição. Após o disparo fatal, o agente encontra uma arma de fogo atrás de uma cerca, próximo do local onde o disparo foi efetuado.

A prefeita de Chicago, Lori Lightfoot, lamentou o fato, e visivelmente abatida, descreveu as imagens como “excruciantes”:

Você viu?

“Nós falhamos com Adam (..) E não podemos falhar com mais um jovem em nossa cidade”, admite a política. “Todos nós devemos prosseguir com profunda empatia e calma e, o que é mais importante, paz.”, pede Lightfoot.

A família do jovem, seguindo a linha da prefeita, pediu que as pessoas evitem fazer manifestações nas ruas.

Um jovem de 21 anos, identificado com Rubén Roman, estava com Adam antes de serem abordados pela polícia .

Segundo informações, Rubén disparou um tiro contra um carro que passava pela rua, o que ocasionou a abordagem policial.

Diferentemente do jovem de 13 anos, Roman foi detido e acusado de uso ilegal de arma, colocar uma criança em perigo e crime doloso.

    Veja Também

    Mais Recentes

      Comentários