Alberto Fernandez recebe a primeira dose da Sputnik V, vacina feita na Rússia.
Reprodução La Nacion
Alberto Fernandez recebe a primeira dose da Sputnik V, vacina feita na Rússia.

O presidente argentino Alberto Fernández recebeu nesta quinta-feira (21) a primeira dose da Sputnik V , imunizante contra o novo coronavírus (Sars-Cov-2).

Fernandez se tornou o primeiro chefe de estado a ser vacinado com o imunizante russo no mundo, e nas redes sociais, agradeceu ao Instituto Gamaleya, responsável pela produção, pelo “trabalho cientifico”.

“Hoje recebi a vacina Sputnik V. Agradeço ao Instituto Gamaleya pelo seu trabalho científico, àqueles que trabalharam para que ela nos alcançasse e a todo o pessoal de saúde de nosso país pelo enorme empenho. Ser vacinado serve para ser imune ao coronavírus. Vamos fazer isso”, declarou o mandatário argentino.

Você viu?

Vista com ceticismo pela comunidade internacional quando anunciada, o laboratório responsável e o governo russo anunciaram em dezembro que a Sputnik tem uma eficácia de 91,4% contra a Covid-19.

A Argentina , que iniciou a vacinação no final de dezembro, já imunizou aproximadamente 250 mil pessoas. Até então, a vacina produzida na Rússia é a única utilizada no país.


    Veja Também

    Mais Recentes

      Comentários