Kevin Seefried%2C preso por participar da invasão ao Capitólio
Mike Theiler/Reuters
Kevin Seefried, preso por participar da invasão ao Capitólio

Kevin Seefried e seu filho Hunter, que participaram da invasão ao Capitólio, na última semana, foram presos nesta quinta-feira (14) acusados de invasão à área restrita, desordem e entrada violenta.

Kevin viralizou após imagens dele carregando uma bandeira dos Estados Confederados estamparam jornais ao redor do mundo.

Os estados confederados, formados por unidades federativas do sul dos Estados Unidos , lutaram na guerra de Secessão buscando a independência para impedir a abolição da escravatura.

Atualmente, o uso desse símbolo remete ao nacionalismo e ao extremismo, e foi adotada por supremacistas brancos, sendo usada até mesmo pela Ku Klux Klan.

Você viu?

O FBI conseguiu localizar a dupla após Hunter contar para um colega de trabalho que participou da invasão a o congresso americano, mas ele denunciou a dupla.

O mandado de prisão alega que vídeos publicados nas redes sociais mostram o filho de Kevin socando um vidro de uma janela do Capitólio para tentar quebrá-lo.

Após o ato extremista realizado na semana passada, que suspendeu a certificação da vitória de Joe Biden , onde 5 pessoas morreram, mais de 160 pessoas foram presas até então.


    Veja Também

    Mais Recentes

      Mostrar mais

      Comentários