Putin
Alexander Nikolsky/Sputnik
Presidente russo ainda não irá se pronunciar sobre as eleições norte-americanas

A decisão do presidente dos Estados Unidos, Donald Trump, de iniciar o processo de transição de poder para Joe Biden ainda "não é suficiente" para que a Rússia reconheça a vitória do democrata, informou nesta terça-feira (24) o porta-voz do Kremlin, Dmitri Peskov.

"O presidente Vladimir Putin irá aguardar o resultado final", disse o representante da Presidência ao ser questionado pelos jornalistas locais.

A Rússia é um dos pouquíssimos países do mundo a não reconhecer a derrota de Trump, justificando a falta do gesto diplomático por conta da disputa judicial iniciada pelo republicano contra o resultado nas eleições. No entanto, em 2016, Putin levou poucas horas para parabenizar Trump por sua vitória sobre Hillary Clinton - mesmo que o resultado ainda não fosse oficial.

Em uma entrevista no domingo (22), o líder do Kremlin havia dito que seu governo trabalhará "com qualquer pessoa que tenha a confiança do povo" dos Estados Unidos, mas que essa confiança só poderia ser dada "com um candidato que tenha a vitória reconhecida pelo partido adversário, ou depois que os resultados forem confirmados de forma legítima e legal".

Apesar de autorizar o início da transição de poder, o republicano afirmou que ainda continuará com as ações legais contestando os resultados do pleito nos estados.

    Veja Também

    Mais Recentes

      Mostrar mais

      Comentários